QUEM SOMOS

Excelência e inovação. Com a organização da OAB-RJ, em 2004, o primeiro projeto de formação em Arbitragem no país teve início pelas mãos de Joaquim Muniz e outros pioneiros no estudo do instituto no Brasil, e ensinou centenas de alunos.

Uma década mais tarde, em 2014, o projeto foi reformulado com a participação de um grupo de novos advogados, que trouxeram às aulas um enfoque mais dinâmico e concreto, com simulações e experiências práticas.

Com esta nova roupagem nasceu o Curso Prático de Arbitragem, o CPArbitragem, a maior e mais reconhecida formação no setor em território nacional.

+ 0 mil
inscritos
+ 0 mil
alunos
+ 0
ex-alunos contratados

O CPArbitragem

Atualmente, o CPA possibilita que advogados novos na área se sintam confortáveis com o instituto da Arbitragem, de modo que, quando vierem a participar de um procedimento arbitral, sejam capazes de atuar com segurança. Contribui também para o debate entre advogados e árbitros experientes sobre diversos temas polêmicos da prática arbitral.

A Arbitragem é um excelente ponto de partida  para o treinamento e desenvolvimento de técnicas de boa advocacia, em especial para a arguição de casos complexos e para a produção de provas. Isso se deve a várias razões, como a maior flexibilidade na Arbitragem de se moldar o procedimento ao caso concreto, bem como a influência de  práticas arbitrais de outros países, às vezes mais eficientes do que as práticas judiciais brasileiras. 

O curso pretende abrir a cabeça dos alunos para melhores maneiras de escrever petições, produzir provas, sustentar oralmente o caso e inquirir testemunhas. Em outras palavras, qualificar os advogados para exercerem melhor as técnicas da advocacia.

Objetivos do curso

Formação de novos advogados para atuarem procedimentos arbitrais.

Aprofundamento da discussão sobre as melhores práticas de Arbitragem.

Desenvolvimento da Arbitragem em áreas específicas, como direito do trabalho, direito desportivo e fusões e aquisições.
Disseminação do conhecimento mais profundo de temas controversos da Arbitragem.

Os marcos da CPA

Ao longo de quase duas décadas, o CPA já realizou mais de 20 cursos, inclusive um curso on-line com mais de 10.000 alunos e treinamentos pioneiros sobre Arbitragem trabalhista, pericia e Arbitragem desportiva.

Destaca-se também a sua relação com o mercado da Arbitragem e as instituições brasileiras. O curso se orgulha de ter realizado projetos com as grandes instituições arbitrais do Brasil, dentre as quais a Câmara de Comércio Brasil Canadá (CCBC), o Centro Brasileiro de Mediação e Arbitragem (CBMA)e International Court of Arbitration (ICC) e a Amcham.

O CPA ainda elaborou projetos, pesquisas e trabalhos com tantas outras instituições centrais para o instituto, como o Comitê Brasileiro de Arbitragem (CBAr), o Conselho Federal da OAB e o Chartered Institute of Arbitrators (CIArb), muitos financiados ou desenvolvidos em conjunto com os escritórios de advocacia de maior relevância no país.

Joaquim Tavares de Paiva Muniz. Sócio de Trench Rossi e Watanabe Advogados. Idealizador e coordenador do Curso Prático de Arbitragem – CPA. Presidente do Colégio de Presidentes de Comissão de Arbitragem da OAB. Autor de “Curso Prático de Arbitragem” e “Arbitration Law of Brazil: Practice and Procedure”

Lucas Vilela dos Reis da Costa Mendes. Sócio de Laudelino Mendes Advogados. Idealizador e coordenador do Curso Prático de Arbitragem – CPA. Desenvolvedor dos módulos de arbitragem comercial, trabalhista e esportiva. Professor em diversas instituições de ensino.

Rolar para cima